Evolução, Simplesmente Incrível


    Será esta a evolução que nos aguarda?. Para o bem das nossas colunas, espero que não. A evolução tecnológica da informação, e da profissão, já está há muito tempo operando. Indivíduos não aptos a usar computadores estão extintos do mercado de trabalho, apenas os que se adaptarem ao meio (informática) prosseguirão. Até mesmo nas profissões tradicionais, como Advogados, por exemplo, é preciso saber escanear documentos, processos, etc. Porém, sempre haverá espaço para artesãos, pintores, desenhistas, estou  referindo-me aqueles que não quiseram usufruir destas fantásticas ferramentas em sua arte. Uma tela pintada nunca perderá o status de arte, o feito a mão, a escultura, a Arte naïf, arte primitiva moderna, são muito valorizados, não dependendo de tecnologia, mas, sim do dom, ou especialização, habilidade do artista. De todas as charges sobre evolução, até agora não vi nenhuma que ao final do infográfico evolutivo, o ser humano esteja bem, ou até onde abrange a  evolução, o outro extremo, seja algo positivo. Não porque os artistas são pessimistas quanto a evolução, mas, é um meio de alertar quanto ao rumo da evolução humana, os artistas tem a destreza de abordar assuntos sérios usando o humor, a pura verdade, é que estas charges são divertidas, ao mesmo tempo passando  uma mensagem para a reflexão. Existem casos de problemas de postura relacionadas ao uso do computador, dores nas costas, etc. O uso do computador é indispensável nos dias atuais, quer profissionalmente, quer como lazer. Caso as previsões estejam certas, num futuro, não muito distante, a internet e os computadores, o modo de visualizar, e interagir, não será mais por meios físicos, ao invés de monitores, algum tipo de projeção holográfica (isto já foi antecipado em filmes de ficção), estes meios de projetar-se estariam disponíveis em todos os lugares, igual a eletricidade (se bem que ainda existem alguns lugares que a energia elétrica ainda não chegou) algum tipo de imersão na rede, não tanto como Matrix.  A internet estaria permeando nosso meio físico, como o oxigênio e outros gases presentes, assim que fosse projetada, bastaria logar e usar. Hoje dizemos: "Vou entrar na internet", "Acessar". Ao invés de entrar, traremos ela onde estivermos, sem um monitor, ou visor de dispositivo móvel de última geração. Sem descartar celular ultrapassado, sem produzir lixo tecnológico, sem atrofiar. Isto vai garantir que não cairemos numa "involução".