The Beetles, Atravessando a Abbey Road

    Dizem que cada vez que perguntavam para John Lennon como surgiu o nome Beatles, ele inventava uma história diferente. Em 1957 John Lennon, com seus amigos de escola fundam The Quarrymen, o nome foi inspirado na escola que estudavam, Quarry Bank School. Porém, tivera sido antes chamado: The Black Jacks. Ainda, no ano de 1957, Paul McCartney tinha assistido uma apresentação do embrião da banda que viria a integrar. Ivan Vaughan, que era amigo de John e colega de classe de Paul, apresenta-o para Lennon. Ivan Vaughan, sem querer, torna amigos simplesmente, a dupla Lennon/MacCartney, neste mesmo ano, Paul é convidado a integrar a banda. Em 1958, Paul MacCartney apresenta George Harrison para John Lennon, Paul conhecera-o no ônibus. John Lennon tem uma resistência a entrada de George Harrison, por este ser três anos mais novo, mas, muda de ideia depois de uma demonstração musical de George Harrison, e da insistência de MacCartney. Colin Leo Hanton, que era o baterista oficial do The Quarrymen, deixa a banda depois de uma discussão em 1959, ele deixou o bonde da história e o da fama passarem, posteriormente, outro baterista perderia o mesmo bonde, Pete Best, sua saída dos Beatles é outro mistério, uns dizem que ele não quis adequar seu corte de cabelo ao da Banda, dizem que ele não era suficientemente bom, e até que ele era popular demais com os fãs, e até mesmo que não tinha entrosamento com os demais membros, nem comprometimento, desta vez  um batera perde a oportunidade de ser o baterista oficial dos Beatles. Ringo Starr, posteriormente, não deixaria esta oportunidade passar, a sorte é um trem que só passa uma vez na nossa vida. O nome  The Quarrymen não fazia mais sentido, porque Paul e George estudavam no Instituto de Liverpool ( eles poderiam ter usado The Quarrypool, é verdade) então teve início uma série de nomes, entre eles: Johnny and The Moondogs"; "Long John and The Beatles. Sutcliffe, amigo de John na escola de arte, e que tinha assumido o baixo em 1960, sugeriu o nome "The Beetles" (Os Besouros) como homenagem a Buddy Holly e "The Crickets (Os Grilos)". Sutcliffe deixa a banda para viver com Astrid Kirchherr, uma fotógrafa que ele conhecera em Hamburgo, Alemanha, e para dedicar-se exclusivamente a pintura, que era seu sonho, infelizmente ele morre meses depois, de hemorragia cerebral, aos 21 anos. Depois de uma turnê pela Escócia o nome The Beatles, torna-se definitivo. Segundo a versão da primeira esposa de Lennon, Cynthia Powell, John teve a inspiração do nome depois de beber cerveja no Renshaw Hall bar. Num artigo da revista Mersey Beat de 1971, Lennon disse ter tido uma visão, onde um um homem aparecia numa torta flamejante dizendo: "Vocês são BeAtles com A". Ainda há a versão de Paul MacCartney, ele diz numa entrevista, em 2001, que John tivera a ideia da banda chamar-se: "The Beetles"; então, Paul disse: "por que não Beatles?"; você sabe, como a batida, ritmo da "bateria", beat. Curiosamente há versões que dizem que esta ideia de trocar a vogal E pela vogal A, foi ideia de John Lennon. A Volkswagen, criativamente usou, num anúncio, seus famosos novos fuscas, os The New Beetles (Os Novos Besouros), atravessando a famosa: Abbey Road, na capa original  deste disco aparece um fusca da época ao fundo, um Old Beetle. Imagine o sucesso que teria sido um comercial dos 4 Beatles, dentro do antigo Beetle, atravessando a Abbey Road, em 1968. Alguma banda brasileira poderia usar Os Foscas, (eu crio uma versão, de como o nome surgiu) como nome, minha ideia, registrada neste post (talvez até haja uma banda com este nome, então, Adeus minha curta carreira de empresário de banda de rock). Uma história curiosa sobre o Fusca, em 1979, é lançado um modelo com lanternas traseiras maiores, o qual é apelidado de Fafá de Belém, uma alusão aos seios da cantora. Será que se o mesmo modelo tivesse sido lançado nos Estados Unidos seria chamado de Fusca Dolly Parton?