Divisão Do Espaço Na Cama, Visão Feminina


       Segundo a visão feminina, o espaço da cama é ocupado, percentualmente, como mostra  a foto acima. O espaço que o casal ocupa na cama, obviamente, não se pode generalizar, outra observação, as mulheres nunca deixam toalhas molhadas na cama, e isso é bem pior, do ponto de vista delas, do que qualquer distribuição de percentual no espaço da cama. Apesar de ser fracionada inconscientemente, durante o sono, os 50% para cada parceiro foi mantido, embora o parceiro tenha sido prejudicado pela não continuidade do seu percentual.  É dito que nunca se deve discutir a respeito de mulher, política e religião, politicamente,  ela é de centro, não centro-direita ou centro-esquerda, centro mesmo, o marido de esquerda ou direita, com tendência a cair, não nas pesquisas de intenção de foto, mas cair no chão.  Por outro lado, se o marido tiver insônia terá a opção de escolher outro lado para tentar dormir ou outro lado para virar virando na cama sem conseguir dormir. Quando ele for virar de lado, melhor fazer com cuidado, porque qualquer virada mal calculada vai parar no chão. Uma opção seria reduzir o tamanho da cama para 75% do tamanho atual, mas há o risco seria grande de o marido dormir com metade do corpo para fora. Os 25% que vemos, em cada extremidade, encaixa-se, mais ou menos, na medida do sofá, então, é praticamente ir dormir no sofá, mas estando na cama. Uma cama maior também seria uma solução. Apesar de a divisão ser justa, pelo menos matematicamente, pela sutileza dos 50% em duas partes de 25%  intercalada, a divisão ficou injusta quanto a distribuição no espaço. Outra solução, no campo da geometria Euclidiana, seria o homem deitar de atravessado na cama perto dos pés dela, ele seria uma reta, e ela seria a reta transversal, sem haver intersecção, no máximo um empurrão com os pés. Ele deitaria perto dos pés dela, estaria aos pés dela, metaforicamente, claro, ocupando a largura da cama, formando um T. Claro que, apesar dos Memes ilustrarem a foto, ela não está trollando de propósito, o marido, talvez, pensando que se existe o sofá-cama, ela inventou a cama-sofá, pelo menos, quando as opções de percentagem restantes para ele.