Ilustrações Feitas Com Maguiagem: Maquiarte

        Se existe um assunto que eu não entendo absolutamente nada é maquiagem. A mente masculina entende que a maquiagem serve para realçar a beleza da mulher. Você já deve ter visto atrizes de #Hollywood com e sem maquiagem, a mudança, algumas vezes, é drástica. Quem, recentemente, postou uma foto sem maquiagem alguma, na rede social Instagram, foi a atriz #Cameron Diaz. Ele lançou um livro sobre os cuidados que tem com o corpo dela, e,  a julgar pelas fotos sem maquiagem, as dicas são ótimas. Dias atrás, na sessão de autógrafos do livro The Body Book, em Nova York, ela quebrou a regra outra vez, apareceu com a raiz branca dos cabelos. Provando que, mesmo descendo do imortal pedestal Hollywoodiano, tanto sem maquiagem como com raízes  brancas do cabelo aparecendo ela é linda.  Hoje ela tem 41 anos, com certeza, ela chegará aos 60 sendo uma pantera-loba ou loba-pantera. Se ela usou a foto sem maquiagem e a raiz branca, afastando-se dos holofotes e se aproximando da mulher “normal” (sem o glamour e a maquiagem de Hollywood) como estratégia de marketing para divulgar o livro, ela acertou em cheio. Sobre a foto do post, Tal Peleg, A #Arte Da #Maquiagem. Essa arte também pode ser classificada como #Body Art, uma parte do corpo está sendo usada como tela o suporte para arte. A maquiagem é usada para fazer arte ao redor do olho, pálpebra, sobrancelhas, cílios. A sobrancelha, sem sombra de dúvida,  é integrada criativamente na ilustração. No desenho artístico, quando se estuda anatomia, pelo menos para mim foi assim, ossos e músculos do  corpo são desenhados. Um excelente desenho por observação dispensa essas etapas, mas conhecer os ossos e músculos do rosto ajuda muito. Não faço ideia dos nomes dos objetos de maquiagem usados, mas posso afirmar que viraram lápis canetas e pinceis.  Falando, ou melhor, digitando sobre olhos e arte. O que me dá certa aflição é a tal tatuagem da esclera, a parte branca dos olhos, mas existe gosto para tudo. Enquanto existem centenas de pessoas aguardando um transplante de córnea, outras pessoas que têm a visão boa, tatuam o olho. Os riscos para a tatuagem no olho são glaucoma e cegueira.  A esclera, tecnicamente é branca, mas na arte, desenho e pintura ela jamais pode ser pintada totalmente de branco, até pode, mas o resultado será um olho achatado, resultando no erro chamado: “olhos de boneca” vidrados. Em algumas regiões desse “branco” é preciso um ínfimo toque de violeta ou azul. Se o desenho for feito a lápis, não se pode deixar essa parte só com o branco do papel. As mudanças não estão sendo feitas apenas na parte branca, a esclera, o polêmico médico americano, Gregg Homer, está modificando a parte colorida dos olhos, a íris, transformando olhos castanhos em azuis, através de um procedimento a laser que altera a camada de melanina na íris. O Doutor #Gregg Homer é um médico, não um monstro, o procedimento visa a questões estéticas, pessoas que querem ter os olhos azuis, sem o uso de lentes coloridas. Pelo que consta, esse procedimento não é autorizado em nenhum país do mundo, inclusive, nos Estados Unidos. Houve um médico, este sim foi um monstro,  que fez experimentos médicos cruéis e desumanos, durante o regime nazista, no campo de extermínio de #Auschwitz, injetando tinta azul dentro dos olhos de prisioneiros, #Josef Mengele, o Anjo da Morte. Ele morreu afogado, no litoral de São Paulo, sem pagar pelas atrocidades cometidas, durante o regime nazista. Voltando as fotos do post, se você achou interessante essas fotos, deixarei o url da fonte, há outras  bem interessantes: http://web.stagram.com/n/tal_peleg/