Contato Imediato de Terceiro Grau, (CI-3)

 
        Contato Imediato de Terceiro Grau, (CI-3), caracteriza-se quando é possível avistar os tripulantes, ufonautas, dentro ou fora da nave deles, porém, não existe nenhum tipo de comunicação. Nesse cartum, são os ETs que fazem  o Contato Imediato de Terceiro Grau, sem segundas intenções. A mulher está distraída, se o corpo falasse, segundo aquele livro famoso, o corpo fala mesmo, partes do corpo dela é que estão fazendo o CI-3, segundo a percepção dos ETs. Qual fator de  proteção solar os Ets estão usando, é difícil dizer, mas deve fazer uso da nanotecnologia. Para quem  acredita, eu sou um dos que acreditam, os extraterrestres não são nada ingênuos, a tipologia desses do cartum, embora sejam verdes, representam os Grays/Reptilianos (cinzentos, ou acinzentados). Esses têm uma reputação péssima, sem querer generalizar, segundo a casuística ÓVNI  mundial, ou seja, as ocorrências e relatos de ÓVNIS por todo o mundo, eles fazem abduções, que é o termo para o sequestro de humanos ou animais, implantam chips, fazem experiências médicas e outros experimentos, além de mutilar animais, são frios, só preocupados em coletar ou pesquisar seja lá o que quiserem, visando benefício próprio, nesse sentido, a sensação, de qualquer humano ou animal, é a de uma cobaia indefesa na mão deles. O pior de tudo,  nem todo abduzido é “devolvido” de onde foi sequestrado. Embora já tenham sido relatadas tipologias em formas bizarras, há os humanoides que se assemelhariam mais a espécie humana (Semjase), têm o biótipo muito parecido com um ser humano, pacíficos e trazem sempre mensagens construtivas. Se não se pode generalizar nem aqui na terra, quanto mais em relação a seres de fora da terra, os extraterrestres. Para quem tem o desejo de contatar seres do espaço, sugiro ler o Livro Negro dos ÓVNIS, são relatos de supostos contatos que terminaram de forma trágica para os contatados.  Segundo o suposto contactado suíço, Billy Meier, que muitos julgam ser um farsante,  a fêmea Pleiadiana que o contatou, chamada Semjase (da ilustração), que parece a Miss Suécia, teria o alertado a respeito das intenções maléficas dos Grays/Reptilianos. Segundo ela, a missão dos Pleiadianos, do Sistema solar Taygeta, cujo planeta principal é Erra, é alertar a humanidade a respeito dos nefastos Grays/Reptilianos. Embora a credibilidade de Meier seja questionável, e muito, o biótipo da Semjase já foi mencionado em outros Contatos do Terceiro Grau.  Faz tempo que eu já ouvi essa história, é reconfortante saber que os Pleiadianos , não só alertam e tentam elevar nossa consciência, mas eles combatem os Grays/Reptlianos não só no nosso sistema solar, mas em outros. O famoso físico britânico, Stephen Hawking, fez um alerta: "Os extraterrestres que recebam nosso sinal, ou não dispõem da tecnologia suficiente para nos responder, ou têm uma muito superior que lhes permitirá vir até aqui". Além dessa afirmação, ele diz que um contato entre uma civilização avançada e outra menos avançada, é sempre danoso para a menos avançada. Ele cita o exemplo da chegada dos espanhóis a América em 1492. O cientista do SETI (sigla em inglês para Busca por Inteligência Extraterrestre), Paul Davies, discorda, ele afirmou: "Se os alienígenas quisessem conquistar nosso planeta, já poderiam tê-lo feito nos últimos  4.500 milhões de anos". Enquanto os cientistas divergem, os relatos de abduções, principalmente, nos Estados Unidos, são fartos, o que levou o fenômeno a ser estudado por psiquiatras e psicólogos, claro, a maioria desses profissionais discorda de que essas pessoas estejam realmente sendo levadas a bordo de espaçonaves ou mantendo algum tipo de contado com seres de outros planetas, quem sabe, até de outras dimensões, atribuindo o relato dos pacientes à alucinações, sonhos, traumas, conflitos, entre outros diagnósticos. Os Estados Unidos continuam a ser os campeões em avistamentos  e abduções, a maioria da população acredita que o governo americano esconde a verdade sobre os ÓVNIS.  A  clássica pergunta jamais cala:  Por que a maioria dos governos esconde?. Além do impacto nas diversas instituições, sistema de crenças,  assumir que existem violações diárias do espaço aéreo feitas por civilizações que podem entrar, fazer o que quiser e sair, e não há absolutamente nada que as forças armadas de qualquer país possa fazer para impedi-los, é uma informação preocupante para o cidadão comum que já tem problemas suficientes para se preocupar, aqui no Brasil, por exemplo, as pessoas já têm problemas suficientes para se preocupar. “Ter o direito de saber”; “Estar preparado para saber”;  “Querer saber”;  “Aceitar a impotência governamental para controlar o fato”; “É irrelevante”; “Não se importar”. São perguntas que são relativas. Para muitas pessoas, não há prioridade alguma em fazê-las, tampouco isso terá algum impacto na vida ou realidade delas. Nesse exato momento, há muito mais pessoas preocupadas em pagar as contas do que saber se estamos ou não sozinhos no universo ou multiverso.  Além do mais, o fenômeno ÓVNI envolve crença, quando alguém diz que acredita em algo, manifesta uma crença pessoal. Nada impede que, algum dia, alguém tenha um dos 5 tipos de Contatos Imediatos e mude de opinião, passando acreditar. No Brasil, depois do emblemático caso do ET de Varginha, nosso país foi incluído no circuito internacional de ÓVNIS ou UFOS.  Aproveitando o cartum  do post, no Brasil, os lugares mais frequentados ou visitados pelos Extraterrestres, sem contar as abduções, são: Peruíbe, litoral de São Paulo; Varginha (MG), conta até com um UFOPORTO, para as naves pousarem; Itaara (RS); Serra do Roncador (MT); Guarabira (PB). A verdade não está só lá fora, como dizia o Aquivo X, está na Área 51, em bases secretas, pode estar até embaixo da terra, segundo alguns acreditam, existem os intraterrenos, algumas comunidades, na Serra do Roncador, buscam contato com esses supostos seres intraterrenos. Termino o post como o desenho que alguém fez, retratando a Pleiadiana Semjase, vou ficar torcendo para ela vir me abduzir.