Encontre a Figura “Escondida”

        À primeira vista, parece o tachismo abstrato (tache: significa mancha em francês) criado livre e informalmente por um artista que extravasa impulsivamente as emoções na tela. Cada um poderia dizer quais sentimentos, sensações a obra faz lembrar, e as respostas seriam as mais variadas e subjetivas possíveis. O interessante dessas manchas é que elas “escondem” uma figura. Perderia toda a graça se eu já dissesse qual é, talvez, você já a tenha visto antes,  se não viu, basta procuram na imagem, uma hora, o cérebro perceberá os espaços negativos, e figura se “formará”. Todos nós já a vimos antes, ao vivo, em filmes, em desenhos animados. Não se trata de sorvete de flocos nem do suposto e famoso rosto em Marte, nem da Onça-Pintada, eu as vi na imagem, além da principal que eu descobri primeiro. Existem 1001 razões para procurar a figura, mas só 101 corresponderão à imagem real da figura que se encontra nessas manchas que parecem aleatórias, a maioria delas é mesmo, pelo menos, depois do efeito que foi aplicado nessa foto. Esse efeito foi conseguido com a aplicação  de um plug-in, existem muitos que estilizam uma foto, e o resultado fica igual a esse que vemos na foto do post. Embora eu não saiba da imagem original, pode-se supor que o aglomerado, no canto superior esquerdo, seja uma sombra de uma árvore, se não for, poderia ser. A parte branca parece um fantasma, aqueles clássicos em forma de lençol branco, no caso, deitado. Essas ilusões de ótica são sempre interessantes, quando conseguimos vê-las, encontrá-las, percebê-las é uma grande satisfação. Ao mesmo tempo,  enquanto a procuramos, sentimos um pouco de ansiedade, principalmente, quando a maioria das pessoas enxerga, e alguém não está conseguindo, com paciência, porém, é sempre possível. A ansiedade de vê-la, pode atrapalhar na percepção.  Quando é  muito complicado, tais como aqueles exercícios avançados de matemática, a figura “escondida”  é hachurada, pintada ou contornada, na chamada resposta ou solução. Por uma questão técnica (para não perder a graça), não pude deixar a resposta no post, na forma de outra foto, com a imagem revelada, mas dei umas dicas ao estilo do Mestre dos Magos, creio que possa ter ajudado. Não é uma resposta rápida, um Ping-Pongo*, nem a resposta é um presente, uma Prenda.


*errado conscientemente